O que é?

Da utilização pelo homem dos recursos naturais sobram resíduos sólidos, líquidos e gasosos. Aqueles, os sólidos chamamos de lixo, do qual traremos aqui.
Quanto maior o desenvolvimento, maior a utilização dos recursos naturais, maior a quantidade de resíduos sólidos. Só em Nova York são produzidos diariamente em média 28,5 mil toneladas de lixo. Em São Paulo são 14 mil toneladas/dia.
Estes resíduos sólidos ou lixo podem ser definidos como “o conjunto dos produtos não aproveitados das atividades humanas”.
Segundo sua origem e perigo, os resíduos sólidos podem ser classificados em: resíduos urbanos e resíduos especiais.
RESÍDUOS URBANOS – são os gerados nas residências, comércio ou em outras atividades urbanas, como por exemplo: vidros, latas, papéis, papelões, restos de alimento, folhas, galhos.
RESÍDUOS ESPECIAIS – são os gerados principalmente pelas indústrias, hospitais, ambulatórios, clínicas, farmácias. Exemplo: agulhas, seringas, luvas cirúrgicas, catéteres, ampolas de medicamentos, curativos infectados.

O lixo também pode ser classificado em orgânico e inorgânico:
ORGÂNICO – o que já foi algum dia organismo vivo. São os biodegradáveis, pois ante sua consistência e origem, a própria natureza o consumirá. Exemplo: papel, restos de comida.
INORGÂNICO – são os que a natureza não consegue absorver. Exemplo: vidro, plástico.

Temas Gerais

Temas Gerais Variados

Biblioteca

  • Atividades
  • Expediente
  • Mais de 20 anos de existência
  • Parceria / Apoio
  • Registros por espécie/Records by species
  • Sons da Natureza/Sounds of Nature
  • Videos

Warning: implode() [function.implode]: Invalid arguments passed in /home/storage/5/7c/30/aultimaarcadenoe/public_html/wp-content/plugins/wp-dynamic-meta-keyword-and-description-for-wordpress/wp-dynamic-meta-keyword-description.php on line 21