Ecoturista e a medicina do viajante

Em virtude do desenvolvimentos das comunicações e dos meios de transporte, surge a oportunidade das pessoas viajarem mais visitando insalubres ou lugares até então inóspidos e praticamente desconhecidos do turismo comum.
Isto muitas vezes faz com que o turista ou o ecoturista venha a ter contato com lugares onde há epidemias relacionadas a falta de saneamento, como acima colocado,  expondo-o a doenças graves.
Por isso, antes de viajar o turista ou o ecoturista deve tomar medidas preventivas e na volta ao aparecer algum sintoma fazer o diagnóstico o mais rápido possível e o tratamento adequado.
Assim, surgiu uma nova forma aplicação de medicina preventiva conhecida como “medicina do viajante”, especializada nas doenças infecciosas e epidêmicas.
Segundo consta nas informações médicas disponíveis na Internet, as doença que mais ameaçam os viajantes são: febre amarela; dengue; malária; leishmaniose cutâneo-mucosa; leishmaniose visceral; esquistossomose; raiva; berne; tétano; doença de Chagas; toxoplasmose; diarréia etc

 

Temas Gerais

Temas Gerais Variados

Biblioteca

  • Atividades
  • Expediente
  • Mais de 20 anos de existência
  • Parceria / Apoio
  • Registros por espécie/Records by species
  • Sons da Natureza/Sounds of Nature
  • Videos

Warning: implode() [function.implode]: Invalid arguments passed in /home/storage/5/7c/30/aultimaarcadenoe/public_html/wp-content/plugins/wp-dynamic-meta-keyword-and-description-for-wordpress/wp-dynamic-meta-keyword-description.php on line 21