Classificação das plantas


Mesmo para aquele que pretende ter uma noção da flora brasileira, para melhor observá-la, é necessário ter o mínimo de conhecimento de temas importantes como a classificação, daí porque entendemos importante colocarmos algo sobre o assunto, ainda que de forma simplificada e genérica, pois como dito anteriormente não temos nenhum pretensão científica, mas apenas de auxiliar o amante da natureza.

Como sabemos, a biologia é a ciência que estuda os seres vivos e é dividida em dois grandes ramos: zoologia, que estuda os animais e a botânica, que estuda as plantas.

Por sua vez, dependendo do enfoque ou critério temático, o estudo dos seres vivos pode dividir-se em anatomia, bioquímica, ecologia, etologia, fisiologia, genética etc.

O grau de semelhança entre as espécies determina a criação de uma classificação, ordenando-as em grupos, formando um taxon. Carl von Linneu, botânico sueco, criou as regras da taxionomia, com a forma de nominar as espécies e classificá-las.

É importante registrar que a preocupação com a classificação dos seres vivos remonta Aristóteles, cujo sistema é conhecido como sistema de um naturalista, inclusive o grande pensador já esboçava uma sistemática de observação do comportamento animal e de classificação (Bittar, Eduardo. Curso de Filosofia Aristotélica. São Paulo: Manole, 2.003).

A questão da classificação das espécies acaba sendo um tormento ao estudioso, pois há inúmeras classificações no correr dos séculos, já que muitos cientistas apresentam sua classificação.

Uma das classificações que tem sido aceita e indicada por vários escritores * é a seguinte:

REINO VEGETAL

1. CRIPTÓGAMAS (sem flor)

- Talófitas: plantas inferiores ou primitivas. Ex.: fungos (sem clorofila); algas (com clorofila);

- Briófitas: plantas que vivem em ambientes aquáticos úmidos e as vezes secos;

- Pteridófitas: mais evoluídas (raiz, caule e folha). Ex.: samambaias e avencas.

2. FANERÓGAMAS (com flor, planta superiores)

- Gimnospermas (sem fruto: semente não estão contidas em frutos). Ex.: araucária;

- Angiospermas (com fruto: sementes estão no interior do fruto). Ex.: orquídea, mangueira.

* “Enciclopédia de Plantas Brasileiras” (ed. Três, 1988, vários colaboradores)

Temas Gerais

Temas Gerais Variados

Biblioteca

  • Atividades
  • Expediente
  • Mais de 20 anos de existência
  • Parceria / Apoio
  • Registros por espécie/Records by species
  • Sons da Natureza/Sounds of Nature
  • Videos

Warning: implode() [function.implode]: Invalid arguments passed in /home/storage/5/7c/30/aultimaarcadenoe/public_html/wp-content/plugins/wp-dynamic-meta-keyword-and-description-for-wordpress/wp-dynamic-meta-keyword-description.php on line 21